Numa realidade em que são raros os mercados que podem ser considerados “oceanos azuis” – ou seja, aqueles em que a concorrência ainda não chegou ou não oferece risco – estar atento à renovação do modelo de negócios, sua proposta de valor e a forma que ela se apresenta no mercado são ações fundamentais que não podem deixar de estar presentes na mente dos empresários em todas as decisões que vai tomar.

Muitas vezes vemos algumas empresas tão apegadas aos seus produtos, à sua forma de atendimento “que sempre deu certo” ou que “sempre foi assim” que elas simplesmente não percebem que estão perdendo mercado e competitividade.

O que deu certo no passado não é garantia de sucesso no futuro. Então rever a forma de agir e de se apresentar para os clientes tem que ser sim repensada.

Isso não significa perder a essência do negócio, seus valores ou o seu propósito de existir. Isso é e sempre deverá ser o que vai guiar a empresa a cada decisão tomada. Quando ela não sabe para onde ir, o caminho que mais for fiel a seu propósito é o que deve ser seguido.

No entanto, há muitas formas de se renovar, de se manter competitivo e com proposta de valor atrativa para o seu mercado consumidor sem perder sua essência. Algumas delas passam por desenvolver novos modelos de negócios, novos canais de distribuição, inovar no relacionamento com o consumidor ou mesmo um olhar mais profundo para dentro da companhia para identificar quais etapas do seu processo interno poderiam ser otimizadas de forma que ela ganhe mais eficiência.

Somente a partir do reconhecimento do problema é que se pode pensar em uma solução. E para isso, fazer um diagnóstico empresarial pode ser o caminho. Ou seja, mapear todos os pontos nevrálgicos do negócio e pensar em como melhorá-lo e aplicar as melhores práticas em cada um dos pontos. O diagnóstico permite definir quais são as áreas prioritárias para ação imediata e quais podem ser planejadas para um segundo momento. Processo extremamente importante para a empresa não se perder em muitas revisões e reestruturações e acabar não concluindo nenhuma.

Para todos esses pontos contar com especialistas pode ser o melhor caminho. Por quê correr o risco de se começar por exemplo uma reestruturação do negócio sem que se tenha total conhecimento dos pontos fundamentais desse processo? Começar certo, ter a certeza do caminho que vai oferecer menor risco e maior oportunidade são fatores que apenas com o parceiro certo e com conhecimento para tal podem proporcionar.

Vamos trabalhar juntos? Comece 2018 saindo de uma fase estacionária e caminhe rumo ao desenvolvimento e expansão do seu negócio.

Fonte: Administradores.

Leia Também

images

A inovação não é algo que simplesmente acontece, do nada. Ela precisa ser cultivada, desenvolvida e estimulada. A simples decisão ou vontade de se ter uma empresa ou um ambiente inovador não é garantia de que isto vai acontecer, apesar de ser um bom começo. Como em todo cultivo, um ambiente inovador precisa de investimentos […]
download
Nos últimos 2 anos temos vivenciado momentos muito desafiadores no âmbito comercial. Por um lado, nossa economia enfraquecida pelos acontecimentos políticos – que consequentemente tiram de nós algumas oportunidades de sucesso nos negócios, os quais, provavelmente, em cenários mais seguros, ocorreriam sem tal instabilidade. Por outro lado, justamente por conta deste cenário desafiador, uma disputa […]
Picart
Você sabe o que é o controle patrimonial, bem como sua importância para um negócio? Trata-se de uma rotina que deve ser feita constantemente e que conta com a ajuda dos responsáveis pela contabilidade da empresa. Apesar de ser imprescindível para o sucesso de um negócio, pouco se fala sobre o tema. Exatamente por esse […]

Av. Milton Campos, 2783 - Centro - Guanhães/MG - CEP 39740.000 - Tel.: (33) 3421-0222