Nos mais diferentes lugares do mundo, a cultura e o costume de cada povo tem forte impacto no modo como seus habitantes se organizam, se portam e se posicionam a respeito dos mais variados temas.

Nas empresas, essa influência causada pela cultura organizacional, que nada mais é que os costumes que a empresa adota em seu método de gestão de pessoas, de recursos, impacta na forma que estas se portam diante das adversidades do mercado ao qual está inserida.

Evidente que os costumes, ou seja, a cultura se torna na verdade a identidade da empresa e revela, por exemplo, a forma de agir e interagir com os colaboradores. Não é incomum encontrarmos até mesmo em nosso local de trabalho pessoas que, ao ingressarem na equipe de algum setor, sentem-se deslocadas em relação aos demais colegas. É que normalmente é necessário um período de adaptação, que envolve a compreensão e o entrosamento dos hábitos e costumes reinantes no novo universo em ele que acaba de entrar.

Viver em conjunto com pessoas de diferentes costumes, mas inseridas no mesmo universo cultural cria momentos que somente naquele instante e naquele contexto poderão ser desfrutados. A forma como os colabores são tratados nas atividades do cotidiano influenciam direta e indiretamente as pessoas que cercam o ambiente de trabalho.

O clima organizacional sofre forte influência da cultura organizacional e é através dessa relação que podemos ter uma visão do ambiente de trabalho de uma empresa, por exemplo: ambientes de muito estresse podem desencadear um clima mais pesado entre os colaboradores e seus superiores, assim como uma boa relação entre as obrigações diárias e o respeito mútuo tem forte influência na retenção de talentos e manutenção satisfatória de metas.

Manter bons níveis de relacionamento no ambiente de trabalho nos dias atuais é sem dúvidas o segredo para manter-se competitivo no mercado. Afinal, uma equipe que trabalha em um ambiente saudável executa suas tarefas com maior satisfação e em tempo cada vez menor, conferindo à empresa uma visão mais humanista sem deixar de lado as nuances de seu negócio.

Fonte: Administradores.

Leia Também

declaracao-anual-do-mei-microempreendedor-individual

O dia 31 de maio é o prazo final para a entrega da declaração anual do MEI. Enquanto muitos correm para colocar a documentação em dia, é importante lembrar quais são os principais erros da declaração anual do MEI cometidos pelos empresários. Para evitar que você seja mais um na estatística daqueles que entregam a […]
Imprimir
O micro e pequeno negócio no Brasil movimenta consideravelmente a economia do país, cerca de 27% do PIB brasileiro, conforme dados do SEBRAE. Além de empregarem 52% da população, o que demonstra significativa importância. Mas inúmeros são os desafios destes micro e pequenos empresários. Uma das principais dificuldades enfrentadas por estes portes de empresas é […]
noticia_124836
Tornar-se vendedor em nosso País, na maioria das vezes, acontece por conta de uma necessidade financeira ou por alguma oportunidade inesperada. A verdade é que quando menos você espera, já está vendendo alguma coisa. Diferente de outros profissionais, que estudam e se formam para depois começarem a exercerem suas atividades por formação, como por exemplo […]

Av. Milton Campos, 2783 - Centro - Guanhães/MG - CEP 39740.000 - Tel.: (33) 3421-0222