Os benefícios de ter uma equipe bem treinada e alinhada com a missão da empresa não são novidade. Profissionais engajados e bem informados produzem mais e melhor. A dificuldade está em manter a participação desses profissionais nos cursos e treinamentos oferecidos.

Hoje existem muitos recursos para treinamento e capacitação no mercado: versões online, aplicativos, vídeos em 360º, entre outros. Muitas empresas porém, encontram dificuldade em manter seus colaboradores participando desse processo, por não possuir uma cultura de aprendizagem bem formada.

1. O exemplo vem de cima: É responsabilidade do líder servir de exemplo à equipe. Se a direção acredita fortemente na educação corporativa e propicia essa cultura nas ações do dia-a-dia, essa vontade será transmitida com mais facilidade para todos os colaboradores. Líderes e gestores devem participar de treinamentos, cada um em sua área;

2. Divulgue: Além de oferecer cursos e treinamentos, é preciso divulgá-los. Estimule a participação dos funcionários informando sobre o que ele tem disponível para se capacitar. Que tipo de conteúdo terá acesso em cada curso e como ele pode aplicar isso no seu dia a dia e se desenvolver profissionalmente;

3. Trace um plano: A falta de planejamento pode levar o programa todo a se perder, pois os colaboradores acabam não levando a sério. Estabeleça um cronograma, uma sequência, para execução dos treinamentos. Vale oferecer recompensas também, como entrega de certificados e até bonificações para a conclusão dos cursos ofertados;

4. Peça feedback: Outro ponto muito importante é coletar feedbacks para identificar possíveis melhorias nos treinamentos, além de fornecer insights para novos conteúdos relevantes. Muitas vezes a falta de adesão a determinado treinamento está em seu conteúdo, que pode estar defasado, pouco prático ou muito raso;

5. Mantenha o foco: Depois de estabelecidas essas ações, é importante manter a consistência, foco nas atividades de aprendizagem, ou seja, mantenha a engrenagem andando e vida. Atualize os cursos, o sistema de bonificaçoes e incentivo, com isso a cultura de aprendizagem ficará cada vez mais enraizada em sua empresa. Vale lembrar que uma cultura de aprendizagem bem estabelecida torna qualquer mudança menos traumática e ajuda a manter dentro da empresa os colaboradores mais engajados na mudança.

Fonte: Administradores.

Leia Também

declaracao-anual-do-mei-microempreendedor-individual

O dia 31 de maio é o prazo final para a entrega da declaração anual do MEI. Enquanto muitos correm para colocar a documentação em dia, é importante lembrar quais são os principais erros da declaração anual do MEI cometidos pelos empresários. Para evitar que você seja mais um na estatística daqueles que entregam a […]
Imprimir
O micro e pequeno negócio no Brasil movimenta consideravelmente a economia do país, cerca de 27% do PIB brasileiro, conforme dados do SEBRAE. Além de empregarem 52% da população, o que demonstra significativa importância. Mas inúmeros são os desafios destes micro e pequenos empresários. Uma das principais dificuldades enfrentadas por estes portes de empresas é […]
noticia_124836
Tornar-se vendedor em nosso País, na maioria das vezes, acontece por conta de uma necessidade financeira ou por alguma oportunidade inesperada. A verdade é que quando menos você espera, já está vendendo alguma coisa. Diferente de outros profissionais, que estudam e se formam para depois começarem a exercerem suas atividades por formação, como por exemplo […]

Av. Milton Campos, 2783 - Centro - Guanhães/MG - CEP 39740.000 - Tel.: (33) 3421-0222